Projeto da UFJF-GV oferece curso de preparação de salgados para detentas

FOTO: Divulgação

Conseguir um emprego formal é sempre uma tarefa complicada para quem já cumpriu pena. Pensando nisso, um projeto de extensão do campus Governador Valadares da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF-GV) promove cursos de capacitação para as internas do sistema prisional da cidade, como o que acontece hoje.

Aproximadamente 40 mulheres, dos regimes fechado e semiaberto, vão aprender as principais técnicas para preparar e comercializar salgados. O treinamento acontece das 14h às 19h, na Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac), localizada na avenida Wenceslau Braz, 855, bairro Santa Rita.

A atividade de hoje é apenas uma das muitas iniciativas do “Laboratório do Amanhã” – projeto vinculado ao curso de Administração –, que ministrou para as internas um curso básico de empreendedorismo e outro de higiene e segurança alimentar.

De acordo com a coordenadora do projeto, a professora Juliana Goulart, a ideia é que “quando essas mulheres saiam do cárcere, consigam empreender em casa e na própria comunidade, ou quem sabe abrir um negócio”, driblando, dessa forma, a falta de emprego.