Taça Brasil Copa BigMais de XCO reúne quase 800 esportistas em GV

0
2021
A competição vai valer pontos para os rankings mineiro, brasileiro e mundial. FOTO: Divulgação

Pelo sétimo ano seguido, a Taça Brasil Copa BigMais de XCO vai reunir, em Governador Valadares, quase 800 desportistas em um evento que promove a prática de esportes na região e também vai distribuir cerca de R$ 20 mil em prêmios para vencedores e medalhas para todos os competidores. O evento já se tornou tradicional no calendário esportivo da cidade.

De acordo com Marcone Miranda, diretor do Supermercado BigMais, o evento traz atletas de várias regiões do Brasil e vale pontos para os rankings mineiro, brasileiro e mundial de mountain bike. “A Taça Brasil Copa BigMais de XCO é supervisionada pela União Ciclística Internacional (UCI), por meio de um comissário, que vem acompanhar e validar todo o trabalho. Também temos comissário da Confederação Brasileira de Ciclismo e o presidente da Federação Mineira de Ciclismo”, afirma.

A prova acontece num circuito de quatro quilômetros, localizado próximo à entrada do Parque Natural Municipal de Governador Valadares. O circuito pode variar, dentro do mesmo ambiente, de acordo com o grau de experiência de cada categoria. “A categoria de esporte, por exemplo, que são os amadores, vai dar duas voltas no circuito. A categoria profissional, a elite, júnior e a sub-30, por exemplo, darão seis voltas no circuito”, explicou Marcone.

Segundo ele, a pista de Governador Valadares é a mais técnica do Brasil, o que atrai atletas profissionais de todo o país. Ele explica ainda que, para as categorias amadoras, alguns trechos mais perigosos do percurso são fechados, para não colocar em risco a integridade dos competidores. Ao todo, serão 26 categorias, entre amadores e profissionais, com competidores a partir de 12 anos de idade, até acima de 60.

Trail run

Além do mountain bike, os praticantes de esporte também têm o trail run, a corrida a pé nas trilhas, que utiliza o mesmo circuito de 4.200 metros que as bicicletas. São três categorias: kids, com crianças até 10 anos; 4 km, para pessoas que querem fazer uma caminhada ou uma corrida de leve; e também o circuito de 8 km, para os atletas de alta performance, que dão duas voltas no trajeto. “É uma forma de incentivar a prática de esportes, principalmente para os pais levarem os filhos”, salientou.

Marcone falou ainda do lado social do evento. Além da inscrição de R$ 49,00 (inscrições já encerradas), cada competidor deve doar 2 kg de alimentos. Neste ano, a entidade a receber as doações será a Casa de Recuperação Dona Zulmira. Em 2018 foram recolhidas duas toneladas de alimentos, doados para a Associação Santa Luzia.

A expectativa para este ano é boa. Somente no trail run são 551 inscritos, enquanto que no mountain bike são 227. “Para nós é uma alegria imensa, porque é um sinal de reconhecimento da sociedade e dos competidores. Isso confirma a seriedade do nosso evento”, concluiu Marcone.

Programação:

  • 7h – largada do trail run;
  • 9h – largada da primeira categoria do mountain bike;
  • 11h – largada da segunda categoria do XCO, com os profissionais.