Coveiro do povo

344

O ex-senador e ex-deputado Heráclito Fortes era prefeito de Teresina (PI) pelo PFL, em 1992, quando lançou candidato à sua sucessão o vereador Geraldin Oliveira (PDT), moderno “papa defunto”, dono de um cemitério. O tucano Augusto Basílio, oposicionista, surpreendeu ao chamar a escolha de “bem-vinda” e “coerente”. Mas depois se explicou no plenário da Câmara: “A candidatura é bem-vinda porque o prefeito está matando o povo com sua administração. Nada mais coerente: Heráclito mata e Geraldin enterra!”

___

Com André Brito e Tiago Vasconcelos | www.diariodopoder.com.br