Visita técnica é realizada pelo Sinpac/GV em Pouso Alegre

Buscando integrar os associados do Sindicato das Indústrias da Panificação e Confeitaria de Governador Valadares (SINPAC/GV) e apresentar as tecnologias inovadoras voltadas para o segmento, foi realizada nos dias 25 e 26 de abril uma visita técnica à Prática Klimaquip, em Pouso Alegre/MG, com foco em conhecimentos sobre novos equipamentos que auxiliam no aumento da produtividade, redução dos custos e gestão do negócio. O destaque foi para a técnica de congelamento de produtos em geral, que é uma das principais inovações dos últimos anos no setor de panificação, confeitaria e alimentação.

A Prática Klimaquip possui um moderno parque fabril de 20.000m², com processos de última geração, para o desenvolvimento e manufatura dos seus produtos, que engloba a fabricação de equipamentos de cozinha, panificação e refrigeração. Desde 1991, a empresa desenvolve, produz e comercializa os melhores equipamentos para restaurantes, padarias e centrais de produção de alimentos e é referência nesse segmento em todo o país.

Durante a visita, os industriais conheceram os métodos de congelamento e descongelamento dos pães, com foco na otimização dos produtos, evitando desperdícios ou sobras. “Vimos de perto que, mesmo após retirados do freezer e assados, os pães permanecem crocantes, cheirosos e saborosos, como se tivessem sido feitos na hora”, destacou o presidente do SINPAC/GV e presidente da Fiemg Regional Rio Doce, Marcos Lopes, que também participou da visita técnica.

Uma visita técnica a Pouso Alegre proporcionou momentos de aprendizagem com foco em novas tecnologias. FOTO:Divulgação

Marcos Lopes ainda ressaltou que a utilização da técnica de congelamento pode viabilizar a produção em grande escala, reduzindo os custos operacionais e estocagem mais apropriada dos itens, onde os produtos são finalizados no momento bem próximo ao do consumo.  “Tudo isso é possível devido à utilização de ultracongeladores mais eficientes e modernos, que permitem oferecer pães, em apenas dez minutos, com a mesma qualidade dos pães frescos”, disse.

Lopes ainda complementou que o congelamento é considerado atualmente uma forte tendência na panificação. “Essa visita nos possibilitou vivenciar como a técnica pode melhorar a produtividade da empresa, aumentar o mix de produtos, redução de perdas e também a produtividade por funcionário na indústria, além de realizarmos um maior planejamento no setor da produção, já que os produtos podem ser produzidos em larga escala anteriormente e só descongelados mediante demanda, sem perder a qualidade e garantindo o mesmo sabor”, afirmou.

O industrial e associado Douglas Lemos de Souza, que também participou da visita, afirmou que o congelamento é uma técnica que já está em plena realização e já mostrou sua eficiência e eficácia. “Por meio dessa técnica, teremos maior padronização dos produtos, logística mais fluida na produção e, o mais importante, clientes mais satisfeitos com a oferta de uma grande variedade de produtos na padaria, sem que se comprometa a qualidade final dos mesmos”, disse.

“É uma tecnologia que veio para ajudar o panificador a padronizar a produção, pois a padaria deixa de fazer pequenas quantidades de pães para fazer uma grande quantidade e de uma vez só. A partir daí é estocar o produto, o que também minimizará as perdas”, concluiu o presidente Marcos Lopes.