Valadarense tem acervo com mais de 4 mil camisas de futebol

0
506
Uma das relíquias é a camisa da Chapecoense assinada por todos os jogadores antes da tragédia do Voo 2933 da LâMia, em novembro de 2016. FOTO: Eduardo LIma - Divulgação

Quem entra na sala do empresário Walderez Ramalho, 57 anos, faz uma viagem no tempo. O valadarense, morador do bairro de Lourdes, tem em sua casa um espaço reservado para um ‘museu do esporte’. São mais de 4 mil camisas de futebol (a maioria usada em jogos), além de objetos como chuteiras autografadas, flâmulas, revistas […]