Sessenta pacientes do Cadef terão tratamento equoterápico

928
A equoterapia é um método terapêutico que utiliza cavalo como “instrumento” no processo de reabilitação de pessoas com deficiência.FOTO: Divulgação

A saúde de Governador Valadares dá um grande passo na assistência aos pacientes do Centro de Apoio ao Deficiente Físico Dr. Octávio Soares (CADEF). A cidade é a primeira da região a oferecer o tratamento por meio de equoterapia totalmente custeado pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A equoterapia é um método terapêutico que utiliza cavalo como “instrumento” no processo de reabilitação de pessoas com deficiência.

Ao todo, 60 pacientes em tratamento no Cadef ou que foram acometidos pela síndrome congênita do zika vírus serão assistidos. A prescrição da terapia aos pacientes vai ser realizada na próxima semana, mediante avaliação multidisciplinar de profissionais do centro, junto a técnicos com formação em equoterapia. As sessões do tratamento têm início neste mês.

A terapia é fruto de uma parceria da Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), com a Equovila e será realizada nas dependências do Parque de Exposições José Tavares Pereira, semanalmente. O recurso que tornou possível a ação é via emenda parlamentar do deputado federal Marcelo Aro.

Segundo o Cadef, a implantação do serviço é um ganho significativo na qualidade de vida, no tratamento e possibilitará melhores resultados na aquisição de independência funcional das pessoas com deficiência. O contato com o animal num ambiente aberto promove inúmeros benefícios motores e psíquicos.