Prefeitura e Corpo de Bombeiros passam a trabalhar de forma integrada

Prefeitura e Corpo de Bombeiros passam a trabalhar de forma integrada

A Prefeitura de Valadares e o Corpo de Bombeiros firmaram um convênio de cooperação que vai integrar os atendimentos de urgência e emergência do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e do Corpo de Bombeiros, em Valadares e na região.

Na sede do 6º Batalhão de Bombeiros Militar será criada a Central Integrada de Atendimento e Despacho, para que o Samu e os Bombeiros trabalhem de forma conjunta e no mesmo local. Isso trará melhorias no atendimento às vítimas, mais agilidade nas ações e comunicação permanente entre as partes.

O cidadão que precisa de atendimento vai continuar acionando o socorro pelos telefones 192 (SAMU) e 193 (Bombeiros). Como o software será compartilhado entre as duas instituições, vai evitar desencontros de informações, que acabam levando duas viaturas para o mesmo local e, em alguns casos, ausência de atendimento onde precisa.

Para o prefeito André Merlo, parcerias como essa são muito importantes para a cidade: “integrar os atendimentos entre Samu e Bombeiros só vai trazer benefícios. Tem a questão da economia, da logística, da otimização do atendimento para as duas instituições, mas o mais importante é que tudo isso vai gerar uma melhora para a população, tanto na assertividade do serviço quanto na quantidade de atendimentos. Estamos muito satisfeitos com a assinatura deste convênio”.

O secretário de Saúde, Enes Cândido, destaca que, além da agilidade no socorro, a integração do atendimento vai reduzir custos. “Às vezes, quando acontece um acidente, as pessoas no momento de tensão acabam ligando para o 192, outras para o 193 e duas viaturas são deslocadas para o local ao mesmo tempo. Isso desperdiça tempo, dinheiro com combustível e atrapalha outros atendimentos. Com esse trabalho conjunto, as equipes farão trabalhos mais assertivos e chegarão mais rápido aos locais de ocorrência”, destaca o secretário.