Polícia Civil apreende 20 tabletes de pasta base de cocaína avaliados R$ 330 mil

416
Segundo os delegados, o material apreendido está avaliado em aproximadamente 330 mil reais; se tivesse sido utilizado na produção de cocaína, a mercadoria poderia chegar à quantia de 4 milhões de reais.Foto: Polícia Civil

A Polícia Civil, através da Delegacia de Tóxicos, apreendeu na tarde de sábado, 9, aproximadamente 22 quilos de pasta base de cocaína. O material estava escondido dentro do carro de R.C.C., de 30 anos, que tentava transportar a droga de Belo Horizonte até Governador Valadares.

Com a informação de que um indivíduo, que seria integrante de uma organização criminosa, estaria transportando a droga com destino a Governador Valadares, policiais civis montaram uma operação na rodovia BR-381 para localizar e abordar o veículo suspeito. Depois de localizado, o suspeito, que estava em alta velocidade, foi seguido pelos policiais, que conseguiram abordá-lo às margens da rodovia. No momento da abordagem, o suspeito teria desobedecido à ordem de parada e realizado um movimento brusco com seu veículo contra a viatura policial.

De acordo com a equipe que o deteve, o homem ainda teria tentado destruir o próprio celular, para dificultar a coleta de informações e provas criminais contra ele e a organização criminosa da qual faria parte. Diante da situação, o suspeito foi conduzido à Delegacia de Polícia em Valadares. O veículo foi apreendido e no painel dele foram encontrados 20 tabletes de base de cocaína, pesando, aproximadamente, 22 quilos.

Os delegados Clériston Lopes de Amorim e Mardio Bento Costa, responsáveis pela Delegacia de Tóxicos, esclareceram que o material apreendido está avaliado em aproximadamente 330 mil reais, e se tivesse sido utilizado na produção de cocaína, a mercadoria poderia chegar à quantia de 4 milhões de reais. Dessa forma, R.C.C. foi autuado em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e desobediência. Ele foi encaminhado ao Sistema Prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Apreensão

Esta é a segunda grande apreensão realizada pela Polícia Civil em Governador Valadares em um intervalo de 24 horas. No final da tarde de sexta-feira, 8, a Polícia Civil interceptou um passageiro do trem que seguia para o Estado do Espírito Santo. O suspeito, K.V.S.S., de 20 anos, levava em sua bagagem aproximadamente 32 quilos de maconha, material que estaria avaliado em mais de 30 mil reais. Ainda de acordo com as autoridades policiais responsáveis pelas apreensões, os dois casos não têm ligação e seguirão sendo investigados, para que sejam identificados outros envolvidos.