PC prende o criminoso mais procurado de Minas Gerais

0
446
FOTO:Divulgação.

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) concedeu coletiva à imprensa e passou detalhes da prisão de Luís Henrique Nascimento do Vale, 35 anos, mais conhecido como “Totó”. Ele foi preso na quarta-feira (3), em Balneário Camboriú, Santa Catarina, e chegou ontem (4) a Belo Horizonte.Segundo as investigações, “Totó” era o criminoso mais procurado do Estado. Ele estava foragido da Justiça desde dezembro de 2017, quando saiu da Penitenciária Nelson Hungria com alvará de soltura falsificado.

Ainda de acordo com as apurações, ele é apontado como envolvido em vários crimes relacionados ao tráfico de drogas, homicídios e outros contra o patrimônio. De acordo com o delegado João Prata, “Totó” é suspeito de liderar uma quadrilha cuja base é o bairro Santa Cruz, região Nordeste da capital. “As investigações dão conta de que ele está envolvido em diversos homicídios, dois deles cometidos com uso de fuzil.

Uma ocorrência que teve bastante repercussão foi a morte de um advogado, executado em 2013, no bairro Castelo, região da Pampulha, e de um empresário, em fevereiro do ano passado, no bairro Santa Cruz”, explicou.Luís Henrique, o “Totó”, negou as acusações.

O delegado explicou que ele estava levando uma vida de luxo no Sul do País, onde foi preso. “Ele morava a um quarteirão da praia e levava uma vida luxuosa, sustentada pelos lucros do tráfico de drogas. Ele nos disse que não tem inimigos, porque todos ele já matou”, concluiu.

A operação foi realizada pela equipe da Delegacia Especializada em Repressão a Furto e Roubo, subordinada ao Departamento Estadual de Investigação de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri).