Central do Assinante







PUBLICIDADE


AS MAIS LIDAS
Página Inicial:: >> Saúde e Bem Estar >> Notícias >>
quarta-feira, 8 de maio de 2013

Campanha de vacinação termina sexta-feira

A meta estipulada pelo Ministério da Saúde de vacinar 50 mil pessoas ainda não foi alcançada na cidade
FOTO: Arquivo DRD
A coordenadora do setor de imunização da Secretaria Municipal de Saúde, Márcia Cordeiro, descarta uma nova prorrogação

A Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe termina nesta sexta-feira, 10, mas, de acordo com com a Secretaria Municipal de Comunicação e Mobilização Social (Secom), a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde de vacinar mais de 50 mil pessoas no município não havia sido cumprida até o último dia 3. Foram 33.445 pessoas vacinadas até essa data: 67,4% delas crianças de 6 meses a 2 anos incompletos, 56,7% gestantes, 64,3% puérperas, 69,5% idosos, 59,9% profissionais da saúde e 48,4% pessoas com doenças crônicas.

A coordenadora do setor de imunização da Secretaria Municipal de Saúde, Márcia Cordeiro, explicou que a meta ainda não foi alcançada porque as pessoas têm o costume de deixar tudo para os últimos dias, porém, ela descarta uma nova prorrogação. “A procura pela vacina está baixa. As pessoas acham que a campanha vai ser sempre prorrogada, e acabam adiando o momento de se vacinar, expondo-se mais ao risco de adoecer. Até agora, não tenho informações sobre uma nova prorrogação, e as pessoas precisam ter consciência da importância de se vacinar, porque reduz as complicações, a mortalidade e internações provocadas pelo vírus da gripe nesses grupos mais vulneráveis. A vacina é gratuita e está disponível em todas as unidades de saúde.” 

As Estratégias Saúde da Família (ESFs) e as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) mantêm o atendimento das 7h30 às 17 horas para vacinar gestantes, idosos, grávidas em qualquer período de gestação, puérperas (até 45 dias após o parto), crianças de 6 meses a 1 ano, 11 meses e 29 dias, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, presos, indígenas e profissionais da saúde que trabalham em contato direto com pessoas gripadas. Na Policlínica, que atende das 7h30 às 17 horas, são vacinados apenas idosos. Quem ainda não se vacinou tem até amanhã para ir a um desses lugares portando o cartão de vacinação e um documento de identidade. Quem não tem ou perdeu o cartão, basta apresentar a Identidade.









COMENTE ESTA NOTÍCIA


COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA






NOTÍCIAS RELACIONADAS