Central do Assinante







PUBLICIDADE



AS MAIS LIDAS
Página Inicial:: >> Notícias de Valadares e Região >> Notícias >>
quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Veja íntegra da matéria sobre a placa de trânsito com desenho de salto alto

FOTO: Antônio Cota
AS PESSOAS questionam se só é permitido transitar de salto alto, ou se é proibido estacionar de salto
GOVERNADOR VALADARES -
 A publicação de um trecho da matéria “A placa de trânsito que só existe em Valadares” no DIÁRIO DO RIO DOCE Online rendeu muita repercussão nas redes sociais. Pensando nas pessoas que moram em outras cidades ou até mesmo fora do país, segue a íntegra do texto, que foi publicado na edição impressa do DRD de quarta-feira, 28:


Quem viaja bastante já deve ter reparado que existem placas de trânsito bem diferentes de país para país. Algumas são tão engraçadas, que parecem até piada. Mas uma, por mais que você viaje, é bem provável que só encontre em Valadares, mais precisamente no calçadão da Ilha dos Araújos. Ela traz o desenho de um sapato de salto alto. A dúvida entre as pessoas que transitam pelo local é com relação à informação que a placa passa, porque ela está colocada logo abaixo de uma outra de “proibido estacionar”.

Como era de esperar, muitas piadas questionando a habilidade das mulheres ao volante  já estão sendo feitas. O engenheiro-agrônomo Nélson Franco, que fazia caminhada pela avenida Rio Doce no momento em que a equipe do DRD estava no local, entrou na brincadeira, dizendo que essa deve ser a “placa das piriguetes”. “Deve ter sido alguém que colocou de sacanagem. Já vivi em vários países, e nunca vi uma placa dessas. Parece um salto de piriguete.” Para o digitador Aluísio Costa Rosa, a interpretação é outra. “Nunca vi, mas deve estar se referindo ao trânsito com relação às pessoas que caminham pelo calçadão.”

O tenente Audner, da 8ª Companhia da Polícia Militar Independente de Meio Ambiente e Trânsito, explica que realmente a placa não está prevista no Código de Trânsito (CTB). “O símbolo não existe [no Código]. Trata-se de uma placa amarela, que deveria simbolizar ‘regulamentação’, mas não está regulamentando nada.”


Decodificando a placa


Por fim, a comerciante Rita Duarte Vegas veio matar a curiosidade dos valadarenses. Ela explica que a placa foi colocada no local como forma de publicidade da sua loja de calçados, que foi inaugurada pouco mais de uma semana. Segundo a comerciante, a placa já rendeu muitos comentários, alguns bons e outros nem tanto. “Algumas pessoas entenderam a mensagem, mas outras já chegaram a achar que só poderiam passar pelo local pessoas que usassem salto alto.”


Fiscalização


O tenente Audner explicou que a fiscalização, manutenção e regulamentação das placas de trânsito urbano é de responsabilidade da prefeitura. “Nesse caso, cabe à prefeitura fiscalizar e retirar a placa”, afirma. Em resposta, por meio de nota, a prefeitura informou que a afixação da placa com a imagem de um salto alto constitui uma ação indevida. Uma equipe do Departamento de Trânsito será encaminhada ao local para avaliar a situação, verificar a quem pertence a placa e notificar os responsáveis, os quais, dependendo do resultado da vistoria, poderão ser autuados.









COMENTE ESTA NOTÍCIA


COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA






NOTÍCIAS RELACIONADAS