Central do Assinante







PUBLICIDADE


AS MAIS LIDAS
Página Inicial:: >> Notícias de Valadares e Região >> Notícias >>
quarta-feira, 16 de março de 2016

Aécio e Anastasia vêm a Valadares para encontro do PSDB

Vários assuntos vão estar em pauta. Presidente do PSDB em Minas, Domingos Sávio, também disse que Aécio garante ser inocente e quer investigação das declarações de Delcídio do Amaral são falsas
FOTO: Gerdan Wesley
AÉCIO E Anastasia devem vir ao evento do PSDB, que discutirá a política regional e alianças para as Eleições
GOVERNADOR VALADARES -

Nesta sexta-feira, a partir das 9h, no Garfo Clube, o PSDB vai realizar um encontro regional, com todos os partidos aliados. No encontro, vão estar presentes o senador e presidente nacional da sigla, Aécio Neves; seu colega no Senado e presidente de honra da legenda em Minas, Antonio Anastasia; o presidente estadual do partido, deputado Domingos Sávio; deputados federais e estaduais, lideranças municipais, correligionários da região e simpatizantes. O principal foco da discussão será a busca pelo maior número de alianças possíveis, já pensando nas eleições municipais, além de vários outros assuntos de interesse, como saúde, educação e segurança pública.

O presidente do PSDB em Minas, deputado Domingos Sávio, disse ao DIÁRIO DO RIO DOCE que o PSDB pretende, juntamente com partidos aliados, lançar candidaturas no maior número de municípios mineiros possíveis. “O encontro é do PSDB e aliados, para debater interesse do Brasil, mas com um olhar específico para o Vale do Rio Doce, a partir da sua mais importante cidade, que é Governador Valadares. Estaremos empenhados em debater assuntos do interesse da população de Valadares e região, temas relevantes da área da saúde, educação, segurança pública, emprego, e, é claro, fazer uma análise dessa situação terrível que se abateu sobre o País e desta crise em que o governo do PT nos colocou, e quem está pagando a conta é o cidadão. Neste mesmo contexto, temos que iniciar um debate sobre as eleições municipais, porque o município está inserido nesse contexto. O PSDB pretende lançar candidato, juntamente com seus aliados, então, o PSDB e seus aliados terão candidatos a prefeito e vice, em Valadares e no maior número de cidades. No caso de Valadares, o que nós vamos colocar em julgamento, o povo de Valadares vai colocar em julgamento, é a qualidade do serviço da gestão do PT, que foi e está sendo um desastre. Então, vamos compor uma aliança ampla, porque, além de ganhar as eleições, nós queremos uma mudança ampla, e para isso é preciso que haja um projeto unido.”

Questionado sobre a citação de Aécio Neves, no caso de Furnas, por Delcídio do Amaral em sua delação premiada, Domingos Sávio afirmou que isso não muda em nada os planos do PSDB, e que isso vai servir para “separar o joio do trigo”. “Não muda nada, pelo contrário, eu acho que isso será mais uma vez a oportunidade para separar o joio do trigo, será mais uma vez a oportunidade de mostrar que não são todos iguais. O PT recebeu a delação do Delcídio já criticando a Polícia Federal, criticando a imprensa; nós não vamos culpar ninguém. Nós vamos procurar provar a inocência do nosso líder Aécio Neves, que, aliás, já foi provada; porque o que o Delcídio falou é simplesmente repetir que ele ouviu dizer, que o Aécio fazia parte de uma lista de Furnas. Ora, essa lista de Furnas foi investigada, ela foi criada pelo PT, quem inventou foi preso por produzir documento falso, que se chama Nilton Monteiro. Isso foi criado na época do Mensalão para pode desviar a atenção e dizer que todo mundo era corrupto. Eles insistem em sair espalhando isso, e o Delcídio disse que ouviu falar isso. E da mesma forma, ele disse que ouviu falar que a mãe do Aécio teria enviado dinheiro para o exterior. Essa denúncia foi feita em 2010, quando Aécio foi candidato ao Senado. E foi tudo investigado e provado que era calúnia. Eu estive conversando com o Aécio e ele foi categórico em dizer: ‘Investiguem tudo, tudo será um atestado de idoneidade pra mim, porque não existe absolutamente nenhum envolvimento meu nisso’. Ele quer que se investigue tudo, tanto a Polícia Federal, como o Ministério Público ou quem quer que seja”, concluiu o presidente estadual do PSDB.









COMENTE ESTA NOTÍCIA


COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA






NOTÍCIAS RELACIONADAS