Central do Assinante







PUBLICIDADE


AS MAIS LIDAS
Página Inicial:: >> Notícias de Valadares e Região >> Notícias >>
sábado, 3 de janeiro de 2015

Disque-Denúncia: um aliado na prevenção de crimes em Minas

Em sete anos de funcionamento em Minas, foram registrados mais de 500 mil denúncias
FOTO: Divulgação
TODAS AS denúncias são sigilosas e os denunciantes não precisam informar dados pessoais nem se tornam testemunhas como ocorre no boletim de ocorrência
Governador Valadares -

Denúncias relacionadas ao tráfico de drogas, crimes violentos contra o patrimônio e também contra a vida, roubos e informações importantes para a solução de casos são focos desde o ano de 2007 de ligações para o 181, o Disque-Denúncia, que em dezembro completou sete anos de atuação. Devido às mais de 500 mil denúncias registradas neste período, a ferramenta se tornou de vital importância para a prevenção de crimes para as polícias Civil e Militar.

O serviço, gerido pela Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), em parceria com o Instituto Minas Pela Paz, registrou uma média de 6,9 mil denúncias por mês e 228 denúncias por dia. Para conquistar esses resultados, o 181 preza por um princípio fundamental: a preservação do anonimato do denunciante. 

De acordo com o subcomandante do 6º Batalhão de Polícia Militar, major Ryan Figueiredo, essa ferramenta foi criada justamente para que a sociedade pudesse interagir de forma segura na solução de casos relacionados à segurança pública. “Essa é uma ferramenta importante que a PM tem para conseguir informações através da comunidade sobre práticas criminosas que em muitos casos não possuem muitas informações. E isso se torna uma interação entre o órgão de defesa e a população que, unidos, garantem a preservação de vidas trazendo paz e segurança às pessoas”, afirmou o major Figueiredo.

Segundo o militar, a denúncia é totalmente sigilosa e o denunciante não é identificado. “Vale ressaltar que o sigilo é total e quando alguém liga não é necessário passar nenhum dado, nem mesmo nome, apenas a informação para que a polícia possa averiguar o fato e solucionar o caso. É importante ressaltar que muitos pensam que ao fazer a denúncia irão se enquadrar como testemunha no boletim de ocorrência, mas isso não acontece, e por isso podemos afirmar, sem dúvida alguma, que muitas vidas foram preservadas mediante informações passadas pelo Disque-Denúncia”, explicou. 

A delegada Lilian de Cales ressalta que a ferramenta é fundamental para a obtenção de informações de casos investigados. “O Disque-Denúncia oferta a possibilidade de antever uma ação criminosa bem como dar suporte à Polícia Civil na obtenção de informações que possam levar à apuração de um crime. Todas as informações repassadas pelo 181 geram diligências preliminares para averiguar seus fundamentos e, consequentemente, ela é inserida no caderno investigativo, se assim for necessário”, comenta.

Os dados divulgados pela Seds destacam que as denúncias registradas tiveram um aumento de 62% de junho de 2010 (4.267) a novembro de 2014 (6.913), enquanto as chamadas atendidas tiveram queda de 33% entre junho de 2010 (81.721) e novembro de 2014 (54.021). Essa tendência demonstra que o serviço está mais eficaz, na medida em que filtra melhor as chamadas recebidas e as informações são melhor apuradas, o que resulta em mais denúncias efetivas. Esse resultado se deve à experiência acumulada, à capacitação das atendentes e também ao trabalho conjunto das polícias Civil, Militar e do Corpo de Bombeiros.

Dentre os diversos crimes denunciados, em primeiro lugar está o tráfico de drogas, que em 2008 gerou um total de 24.601 denúncias. Em novembro do último ano as denúncias de tráfico de drogas dobraram, indo para 49.753. Em função do serviço, já foi apreendido um total estimado de mais de 25 toneladas de drogas nos últimos sete anos.

Outro tipo de denúncia com um número significativo são chamadas relativas a pedidos de vistoria de fiscalização em residências, estabelecimentos comerciais, eventos, casas de shows e outros lugares com risco de acidentes, pelo Corpo de Bombeiros. As denúncias dessa natureza são determinantes para que tragédias de grandes proporções sejam evitadas.









COMENTE ESTA NOTÍCIA


COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA






NOTÍCIAS RELACIONADAS