Central do Assinante







PUBLICIDADE


AS MAIS LIDAS
Página Inicial:: >> Notícias do Esporte >> Notícias >>
quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Cristiano Ronaldo marca dois e Real vence; PSG atropela o Shakhtar

FOTO: Getty Images
CRISTIANO RONALDO marcou duas vezes e ultrapassou os 500 gols na carreira
SÃO PAULO -

O Real Madrid esteve longe de ser brilhante nesta quarta-feira, mas contou mais uma vez com o faro de gol de seu artilheiro para vencer pela segunda vez na atual temporada da Liga dos Campeões. Na Suécia, o time espanhol venceu o sonolento duelo diante do Malmö por 2 a 0 graças a Cristiano Ronaldo, que marcou duas vezes, ultrapassou os 500 gols na carreira e já soma 501.

O português atingiu a incrível marca aos 28 minutos, após rápido contra-ataque, escrevendo cada vez mais seu nome entre os grandes da história do futebol. Mais do que isso, entre os maiores da história do Real Madrid. Foram 323 gols somente com a camisa do clube. Os dois desta quarta fizeram com que se igualasse a Raúl na ponta da artilharia merengue em todos os tempos.

Em termos de classificação, os gols de Cristiano Ronaldo levaram o Real aos seis pontos no Grupo A, mesmo número do Paris Saint-Germain, que derrotou o Shakhtar Donetsk por 3 a 0, mas com vantagem no saldo de gols. Desta forma, o próprio Shakhtar e o Malmö estão empatados na última posição da chave, ainda sem pontuar.

O Real demorou para embalar nesta quarta e foi levar perigo pela primeira vez aos 17, justamente com Cristiano Ronaldo, que parou em Wiland. Dez minutos depois, Isco puxou rápido contra-ataque, lançou Benzema, que encontrou o português. Ele teve calma para escolher o lado e deslocar o goleiro, fazendo seu 500.º gol na carreira.

Parecia que os espanhóis deslanchariam, mas não foi o que aconteceu. O Malmö manteve sua postura fechada e só foi assustado novamente aos 42 minutos. Após a zaga sueca afastar, Carvajal emendou de primeira pela direita, com muito efeito, acertando a trave.

O segundo tempo foi uma repetição do primeiro: pouca inspiração madrilenha, fragilidade técnica sueca e Cristiano Ronaldo decidindo. Kovacic, pelo Real, e Rosenberg, pelo Malmö, quase marcaram, mas só o português balançaria a rede.

É bem verdade que a tarefa espanhola ficou mais fácil aos 33 minutos, quando o ex-vascaíno Yotun foi expulso por entrada duríssima em Lucas Vázquez. O Real, então, passou a pressionar e chegou ao segundo aos 45, quando o próprio Vázquez recebeu na área e cruzou rasteiro para Cristiano Ronaldo desviar para a rede.

PSG

No outro jogo desta quarta-feira pelo Grupo A, o Paris Saint-Germain passou com facilidade pelo Shakhtar Donetsk por 3 a 0, mesmo atuando na Ucrânia. Os gols no início praticamente definiram o triunfo francês, mesmo com a insistência dos anfitriões no segundo tempo.

Logo aos sete minutos, o brasileiro Maxwell recebeu pela esquerda e cruzou na medida para Aurier, que testou firme para a rede. O segundo também não demoraria. Aos 23, Di María cobrou escanteio pela esquerda, Aurier desviou na primeira trave e David Luiz, meio no susto, tocou de coxa para o gol.

Só então o Shakhtar acordou e ensaiou uma verdadeira blitz para cima do adversário. Na melhor das oportunidades, ainda no primeiro tempo, tentou seis vezes, mas David Luiz e o goleiro Trapp impediram o gol. No fim, ainda acabou castigado com o terceiro do Paris Saint-Germain. Ibrahimovic recebeu de Pastore, tentou o drible e foi desarmado por Srna, que acabou tocando contra a própria rede.









COMENTE ESTA NOTÍCIA


COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA






NOTÍCIAS RELACIONADAS