Central do Assinante







PUBLICIDADE


AS MAIS LIDAS
Página Inicial:: >> Notícias do Esporte >> Notícias >>
sexta-feira, 1 de abril de 2016

Zidane reconhece que só a vitória serve ao Real Madrid contra o Barcelona

FOTO: Divulgação
ZIDANE RECONHECEU que nada além da vitória será suficiente para o Real Madrid
MADRI -

Na véspera do seu primeiro clássico com o Barcelona como técnico, Zinedine Zidane reconheceu que nada além da vitória será suficiente para o Real Madrid. O craque substituiu Rafa Benítez há três meses, mas a sua equipe repleta de estrelas está praticamente fora da disputa pelo título do Campeonato Espanhol, dez pontos atrás exatamente do Barça, em terceiro lugar.

“Eu sei como são as coisas neste clube”, disse Zidane, sobre o clássico no Camp Nou. “O importante é ganhar, todos nós sabemos disso. Eu estive aqui como jogador. Eu sei que as exigências que vêm com este trabalho”, completou.

Sob o comando de Zidane, o Real tem oscilado entre goleadas contra pequenas equipes em casa, tropeços como visitante e uma decepcionante derrota no Santiago Bernabéu em casa para o segundo colocado Atlético de Madrid.

Apesar do time ter melhores chances de faturar o título da Liga dos Campeões e de enfrentar o Wolfsburg na próxima quarta-feira, Zidane disse que sua equipe está focada no jogo de sábado. “Vamos fazer o nosso melhor e começar forte. Para mim, o jogo mais importante é amanhã. Vamos jogar o jogo de amanhã e depois olhar para quarta-feira”.

Zidane jogou seu último clássico há dez anos, e ele disse que o confronto entre os rivais é o “o jogo mais bonito que existe para um jogador”. “Agora eu começo a experimentá-lo como um treinador e estou feliz por isso”, disse. “Eu quero fazer o melhor e ter um grande jogo”.

O desafio de Zidane, porém, é assustador. Em seu segundo ano sob o comando de Luis Enrique, o Barcelona está invicto há 39 jogos em todas as competições. Essa impressionante série permite ao time sonhar com a possibilidade de repetir a conquista da tríplice coroa, feito alcançado na temporada passada, quando venceu a Copa do Rei, o Campeonato Espanhol e a Liga dos Campeões.

O Barcelona, que não perde em casa para o Real desde 2013, massacrou o rival por 3 a 0 no primeiro clássico desta temporada, uma humilhação que pesou na posterior demissão de Benítez. “(Os jogadores) Sabem o que aconteceu, mas temos de pensar apenas sobre o que está chegando agora”, disse Zidane. “O jogo de amanhã é um jogo diferente, e muito distante para a obtenção de vingança, vamos ver. É um jogo que temos de ganhar”.

VARANE FORA

O Real Madrid não poderá contar com o zagueiro Rafael Varane no clássico deste sábado. Zidane confirmou a ausência do jogador, explicando que ele se lesionou quando estava na seleção da França, mas sem especificar qual foi a contusão sofrida.

A ausência de Varane deixa Nacho Fernandez como única opção para os zagueiros titulares Sergio Ramos e Pepe. Assim como o Real, o Barcelona também sofreu uma baixa de um jogador da seleção francesa. O zagueiro Jeremy Mathieu passou por cirurgia no joelho direito e vai desfalcar o time por até oito semanas.









COMENTE ESTA NOTÍCIA


COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA






NOTÍCIAS RELACIONADAS