Fake news | Aeronave Pégasus não vai sair da cidade

Aeronave Pégasus está passando por manutenção na capital mineira e em breve retorna a Valadares, para continuar auxiliando na defesa social.Foto: Leonardo Morais

Governador Valadares, como acontece de maneira geral, também tem sido alvo de “fake news” (notícia falsa). Desta vez, a notícia que tem circulado é de que a aeronave Pégasus, que há um ano auxilia o trabalho da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Polícia Civil, não voltaria para Valadares, depois da manutenção em Belo Horizonte. Mas a informação não passa de mais uma “fake news”. Ao saber da notícia, o DIÁRIO DO RIO DOCE entrou em contato com assessoria de comunicação da Polícia Militar, para saber a veracidade da informação, e foi informado que a aeronave da 5ª BRAvE foi para a capital simplesmente para um serviço de manutenção. Assim que os trabalhos estiverem concluídos, o helicóptero retorna à cidade.

Desde 9 de julho de 2018, a 5ª Base Regional de Aviação do Estado (5ª BRAvE) já voou mais de 226 horas em ocorrências de defesa social, a maioria – cerca de 70% – na região de Governador Valadares, colaborando para a redução da criminalidade. Além desses voos de segurança pública, foram realizados transportes de recém-nascidos, de outros tipos de enfermos, fiscalização ambiental e traslado de medicamentos para comunidades indígenas.

A assessoria de comunicação da Polícia Militar deixou claro em sua nota que a aeronave Pégasus é estratégica para a segurança pública e não existe previsão ou rumores de seu recolhimento. Disse ainda que a população de Valadares pode ficar tranquila quanto ao retorno da aeronave, o que acontecerá em breve.

Na época da criação da 5ª BRAvE na cidade, o prefeito André Merlo determinou a desapropriação de um dos hangares do aeroporto, comprometendo-se com a reforma do local, tudo para receber a aeronave Pégasus.

5ª BRAvE

A 5ª Base Regional de Aviação do Estado (BRAvE) da Polícia Militar de Minas Gerais encontra-se desde julho de 2018 instalada em Governador Valadares, com a finalidade de atender as demandas de defesa social das regiões do Vale do Aço, Vale do Rio Doce, Vale do Mucuri e Vale do Jequitinhonha.

O conceito aplicado a essa base é de multimissão, ou seja, atender todas as áreas de defesa social, englobando segurança pública, saúde, defesa civil, meio ambiente e outras que se fizerem necessárias. Com isso, o serviço, além de apoiar a PMMG, apoia também outros órgãos públicos e a sociedade de uma maneira geral naquilo que for necessário. A 5ª BRAVE funciona em regime de prontidão, todos os dias da semana, 11h por dia, disponível para os diversos acionamentos e missões que surgirem.

Com o passar do tempo, e ao completar um ano, em nove de julho de 2019, a 5ª BRAvE se mostra como mais uma ferramenta no combate à criminalidade e na efetivação da tão almejada paz social, sedimentando sua presença na rotina da cidade, demonstrando que veio para somar, sendo o apoio necessário aos diversos órgãos que compõem o Sistema de Defesa Social no Leste Mineiro, bem como aos policiais militares que estão diuturnamente no solo, assegurando a manutenção da ordem pública.

por Angélica Lauriano | angelica.lauriano@drd.com.br