Casal é preso acusado de jogar menor de 13 anos na frente da locomotiva da Vale

0
435
Kleyverton foi lançado na frente da locomotiva, sofreu vários ferimentos e não resistiu; ele morreu enquanto era atendido no Hospital de Conselheiro Pena.FOTO: Roberto Higino

Ketlyn Vitória Madeira, 19 anos, e Pedro Henrique Pereira dos Reis, também de 19 anos, foram presos na madrugada de domingo acusados de homicídio. Os dois foram vistos por um maquinista da Vale jogando o menor Kleyverton Lúcio Oliveira do Nascimento, 13 anos, na frente da locomotiva que ele conduzia e que acabou acertando o garoto, provocando diversos ferimentos, inclusive afundamento do crânio. O crime aconteceu por volta das 1h40 da madrugada de domingo na estação de Barra do Cuieté. A vítima foi levada para o Hospital de Conselheiro Pena, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

De acordo com o maquinista, a vítima estava na companhia do casal e, em dado momento, Pedro arrastou o garoto e o jogou contra a locomotiva. Ele ainda acionou os freios, parando a máquina logo à frente, mas ela havia atingido Kleyverton. Em seguida, viu a mulher passando pela locomotiva em companhia de Pedro e desaparecendo. A Polícia Militar foi acionada e iniciou um intenso rastreamento, à procura de pistas dos acusados. Eles foram localizados por volta das 2h30 do domingo.

Ao ser transferido para a Delegacia Regional em Governador Valadares, Pedro ameaçou os militares de morte e disse que, tão logo saia da cadeia, vai colocar fogo no quartel e nas viaturas da PM. A mulher contou aos militares que foi convidada por Pedro para ir à estação fumar maconha. O garoto também foi convidado e, lá chegando, Pedro jogou Kleyverton na frente da locomotiva.